sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Os 10 Mandamentos das Redes Sociais


Achei muito interessante este texto e o transcrevo abaixo, é mais um daqueles clichês de "10 Mandamentos", mas contêm ensinamentos muito interessantes para quem utiliza redes sociais, para trabalhar, se relacionar ou ambos!



"1 – Não publique com tanta frequência
Ou seja, não se torne chato. Publicar a todo minuto, falando qualquer bobagem ou repetindo posts não é nada positivo para o seu trabalho com marketing nas redes sociais. As pessoas veem, atualmente, as redes sociais (Facebook, Twitter, Google+, etc.) como uma extensão das suas vidas. Portanto, elas querem ser ouvidas e mostrar que são
interessantes, que curtem e compartilham coisas legais. Além disso, do mesmo modo que você, em sua casa, não deve gostar muito de receber vendedores, cabos eleitorais ou evangelizadores, ninguém quer ser bombardeado em sua time line com tais ofertas. O risco da insistência é a pessoa bloquear a sua página ou perfil. Então, parcimônia. Escolha bem o que, quando e como publicar.

2 – Escreva textos curtos
Diga aí: você lê artigos longos na sua rede social. Está no Facebook, vê aquele post com “continue a ler”, cujo restante do texto mais parece um discurso do Fidel Castro, e manda ver, lendo até o fim? Acho que não. Por isso mesmo o Twitter é um sucesso, porque são apenas 140 caracteres. É a ideia base da manchete de jornal. Poucas palavras que dizem tudo, que resumem o todo com perfeição. Não é simples de se fazer. Escrever sucintamente é muito mais complicado do que redigir longos textos. Apenas com a prática e muita leitura, com atenção aos títulos, se aprende a escrever pouco, mas com profundidade.

3 – Utilize imagens e customize-as
Para aprender como fazer marketing online, é fundamental entender seu alvo. O ser humano é muito mais visual do que intelectual, por assim dizer. Faça um teste. Escolha uma manchete em algum jornal, como “Polpitico fulano-de-tal é preso por corrupção” (eu sei que será difícil de achar) e escreva-a na sua página do Facebook, por exemplo. Agora, faça o mesmo, coloque a mesma manchete, só que acompanhada da foto do dito político algemado. Garanto que a segunda opção, com a imagem, terá muito mais repercussão, pois prende muito mais a atenção. Além disso, é importante criar imagens personalizadas. Elaborar bons banners, pegar uma foto e adicionar título ou a logo da campanha nela são ações importantes.

4 – Faça uma primeira frase chamativa
Ninguém continua a ler um livro cuja primeira frase seja chata, óbvia ou mal escrita. Se você precisa criar um texto um pouco mais longo, mesmo que não seja recomendável (ver mandamento 2), tome cuidado para escolher bem a frase. Utilizar o humor é sempre uma boa estratégia. Outra, no caso do marketing, é fazer uma pergunta, como “Quer ganhar um iPad4? Saiba como…” Ou algo do gênero.

5 – Faça referências a assuntos do momento
Cada vez mais as mídias sociais estão se tornando a “Esfera Pública” da sociedade moderna. Ou seja, o espaço para debates, críticas, sugestões, reivindicações, etc. E elas o fazem, normalmente, em cima dos assuntos quentes, que estão acontecendo naquele momento. Os jogos olímpicos são um bom exemplo. Basta acontecer algo importante ou curioso que imediatamente o assunto repercute nas redes sociais – e em escala massificada. E isso é perfeito para o marketing online nas redes sociais, pois é a chance de transformar o seu post numa publicação viral. Seja sorteando um produto ou criando uma promoção que tenha a ver com o evento, seja, simplesmente, apoiando os atletas brasileiros, usando expressões como “A ‘empresa-tal’ apoia os atletas brasileiros. Se você também apoia, curta”. Isso até pode não ter relação direta com o negócio da sua empresa, mas a coloca de maneira simpática aos olhos do público – depende apenas da estratégia que queira adotar.

6 – Direcione bem o assunto ao seu público alvo
Essa é óbvia, mas é sempre bom lembrar. Busque grupos, páginas e perfis de pessoas que se interessem por aquilo que você quer divulgar. Isso aumentará o número de suas conversões consideravelmente, acredite. No caso de anúncios patrocinados (no Facebook, por exemplo) esse direcionamento é fundamental – e faz parte d processo de construção de seu anúncio. Escolha bem, desde a idade, localização, gênero e até opções “curtir” do publico para o qual você quer direcionar seus anúncios que os resultados serão muito mais eficientes.

7 – Utilize bem as ferramentas para otimizar seu tempo
Há uma série de ferramentas que facilitam sua vida quando o assunto é divulgação em redes sociais. O www.hootsuite.com é um exemplo bom. No modo gratuito, você consegue programar data e horário para o disparo das publicações e ainda publicar em 5 páginas diferentes ao mesmo tempo – seja no facebook, no Twitter ou no Linkedin.

8 – Sempre responda, curta e compartilhe os comentários do seus seguidores e fãs
Como o próprio nome já diz, redes sociais pedem sociabilidade. Portanto, nunca deixa de responder um comentário ou sugestão, agradecer um elogio e compartilhar uma boa ideia. As pessoas estão nas redes sociais para serem vistas, lidas e compartilhadas. Não as ignore, afinal de contas, é para elas que você direciona o seu trabalho.

9 – Utilize, no caso do Facebook, fan pages e não perfis.
Por dois motivos básicos. O primeiro é porque páginas dão mais credibilidade que perfis. Segundo, e principalmente, por que as ferramentas de compartilhamento e análise são muito mais eficazes. Somente numa página você tem todos os relatórios de alcance da sua campanha e pode avaliar e direcioná-la para o caminho certo.

10 – Acompanhe os relatórios e faça ajustes quando necessário
Como citado no mandamento 9, os relatórios são fundamentais para você avaliar e planejar suas campanhas, não os ignore. Se não souber lê-los adequadamente, procure ajuda, estude ou contrate alguém que o faça de modo satisfatório."


fonte: http://acblog.com.br/marketing-em-redes-sociais/os-10-mandamentos-do-marketing-em-redes-sociais

imagem http://ahoradaprincesa.spaceblog.com.br/1913561/No-futuro-nos-vamos-pagar-pra-transar-com-robos/

:O!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
NOTA: Poxa eu não ACREDITO que nossa língua tem difgerença de contém, contêm e contem! Que chaturah!




4 comentários:

Dulce Morais disse...

William, são regras interessantes. No entanto, conheço pessoas que, se não vêm publicações frequentes das pessoas que seguem, deixam simplesmente de as seguir.
Interrogo-me: com base em quais dados são redigidas tais regras? Irei investigar, por pura curiosidade.

William Oliveira disse...

Oi Dulce! bejao!
Regras são sempre para serem quebradas... ou não gosto de regras...
mas resolvi postar pois achei algumas dicas interessantes!

Tem que seguir o caração mesmo Dulce, acho que esta é a melhor forma!

Beju!
William

Luma Rosa disse...

Não tenho muitas regras, afinal, tempo me falta para as redes sociais. Mas se o tivesse e ficasse o dia todo online, seria mais parcimoniosa - pois a impressão que temos, quando não é uma marca - que a pessoa não tem mais o que fazer, a não ser ficar de bobeira pelas redes sociais. Talvez a única regra de conduta, seja: Aquilo que não falamos em público, não deve ser publicado.
Bom restinho de domingo!! Beijus,

Yasmine Lemos disse...

Não consigo entender tanta felicidade nessas redes sociais rss
beijo e cheiro saudosos também.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um Ano de Versos de Fogo

Marginal é a POESIA

que te PARIU!!!!!!!!!!

Violão em Chamas...

Violão em Chamas...