domingo, 23 de agosto de 2015

Um Poema Relutado e EcoEspiritual



Nossa Triste Condição e o Bom Selvagem...

Estamos matando o planeta...
Em troca de "conforto"!
Estamos matando o planeta...
Em troca de podermos comer uma comida chinesa,
pedida por telefone em qualquer parte do mundo!
Estamos matando o planeta...
Em troca de termos tempo para os melhores canais!
Estamos matando o planeta...
Em troca de termos um automóvel para cada membro da família!
Estamos matando o planeta...
Em troca de termos uma "maioria" heterossexual reprodutora ativa,
pois é assim que "Deus" gosta que sejamos!
Estamos matando o planeta...
Para que possamos ter a roupa da moda!
Estamos matando o planeta...
Para comprar a quantidade máxima de quinquilharias
que jamais nos vai ser realmente útil...
Estamos comendo o planeta, como se fosse ele a Maçã...
Este é o nosso verdadeiro "Pecado"
E este pecado é coletivo! Somos todos responsáveis!
O que vamos fazer no final?
Onde vamos morar depois?
Qual fruta vamos devorar feito exército de larvas?
Até onde vale a pena isto tudo?
A dura escolha de voltarmos à Harmonia:
Homem e Natureza, nos custa tanto!
Talvez porque nunca ouvimos falar dela...
Talvez porque jamais a vislumbramos!
Esta é nossa triste condição...
Estamos matando o planeta...
E quem acordará primeiro?
O "Bom Selvagem" é muito mais que uma figura medieval requintada!
Hoje ele é uma necessidade iminente...
Feito o Eldorado! O Menino Deus!


Bill Oliveira William



terça-feira, 28 de julho de 2015

Ame a si mesmo primeiro!




Que rara dor é esta
De não te esperar mais...
Não te querer mais...

Nunca é pouco!...  Jamais!!!


Amar a si mesmo primeiro é o grande segredo da felicidade!
Não pode amar nada, aquele que não se ama!


segunda-feira, 27 de julho de 2015

Um canto de Gratidão a Deusa da Tempestade...

Agradeço a quem me protege sem que eu veja...
Que segue ao meu lado ( Como um dia me prometeu. ) 
Mesmo que eu não mereça
Mãe, amiga, guerreira
Rainha do Universo
Mãe Divina ordenadora da Lei
Triunfante! Majestosa
O teu poder não tem fim
A tua tempestade não há quem resista
Trabalhas de dia e de noite
No sol e na lua
Na treva e na luz
Relampeja
Venta,
Reluz,
Acende,
Ilumina!
Reenergiza e Cura.
A Glória de Deus em mim...






domingo, 1 de março de 2015

Eu também Adoro um Like !

Uma brincadeira em Fanzine, com o Personagem do Paulo Betti, exagerado a meu ver, mas muito simpático o Téo!

Esta é pra lançar no Face! srsrs

 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um Ano de Versos de Fogo

Marginal é a POESIA

que te PARIU!!!!!!!!!!

Violão em Chamas...

Violão em Chamas...