Eu

Eu
Bill Oliveira William

quinta-feira, 22 de março de 2012

Estudos Poéticos


Ensaios Antropológicos da Odisséia Carajá


O Feiticeiro Urubu, está chamando a chuva
O Feiticeiro Urubu, está dançando nas núvens
O Feiticeiro Urubu, está vencendo os juízes e os incrédulos...
Ele encanta e cala, profetas e murmuradores...
Ele vai, decantando os doutores
e paralisando os preconceituosos...
Iludindo os falsos amigos...
O Feiticeiro Urubu, está correndo num raio de sol
O Feiticeiro Urubu, está vestindo o manto do Arco-Íris...
"Ele é Filho da Lei, como pode?" - Perguntam as ovelhas virgens...
Questionam-no, os negociadores de cabeças...
O Feiticeiro Urubu, se elevou acima do mundo dos homens tristes...
Evocando a Serpente Sagrada...
que é o DNA humano completo,
com as Doze Hélices Ativadas...
Dan!!!

"Dragão Lunar, me conceda
o Prazer de contemplar...
estas deusas que estão, sob sua proteção,
que a Lua Minguante não tarda a chegar, (...)
Clareou, Clareou, Clareou... a dança já vai começar!
Obá, Obá!"

"'...o pajé perguntava: "Onde está a luz? ", e o Urubu-rei respondia "Eu não sei". No momento em que o urubu foi derrotado, um espetáculo pirotécnico saiu de dentro da alegoria representando a libertação da luz, para delírio e êxtase do mundo..."

O Urubu Rei está dançando...
O Urubu Rei está curando...

"Lagarta de Fogo, Templo de Monan e o Inesquecível Ritual Kananciuê!!!"

O Pajé Urubu...
O Senhor Pena Preta, abriu suas asas e de dentro delas surgiu o Sol do Novo Mundo...
Queimado de luz, suas asas são brancas, Urubu Rei!


____________________________________________________________________
Inserções no Verso:
Samba Enredo da Estácio de Sá 1993. A Dança da Lua e a Odisséia Carajá.




Final do BBB 2012 A Revelação da Profecia




Paredão Final!
O Apocalipse...
Quem vai ser escolhido pelo público?
...........................................................................

Na Brincadeira de Deus
No JOGO
dos mais Fortes
Somos filhos de mil mortes
Ilusórias...
Neste Cósmico BBB!...




__________________________________________________________________________
Imagem desta Postagem: Gatas do BBB





quarta-feira, 21 de março de 2012

Cantos de Marinheiro...



Ogum Praieiro


Lá nas Minas Gerais,
onde eu morava...
irmão de outros, também mineiros
Onde estamos distantes do mar...
entre as montanhas,
vales,
florestas...
cachoeiras...
pedreiras!
Eu escutava o Mar me chamando...
e quando um dia atravessei 

na viagem para além das muralhas invisíveis...
e cheguei diante dele!
Descobri,
que não era o Mar que me chamava!
A canção que eu escutava...
não era do mar...
Era Dela!
Da Rainha das Ondas...
Sereia Mãe,
Dona do Mar. Odoiá!
Iemanjá, me chamava
com seu canto triste e doce
a Grande Deusa me queria
de volta em casa
( E chorava da saudade que eu tinha das estrelas...)
em suas praias...
é onde Ogum Beira Mar
tem que morar.




segunda-feira, 19 de março de 2012

Um poema para um blog de poemas... e O Marinheiro Português




Jamais te manquer


                                     De O Marujo Português...


Jamais sentirei saudades de ti!
Porque estás em mim...
Como pode?
Como habitas a mesma sintonia?
esta alma...
Se és passarinha... tacanha alma.
E de tão inferior nos mistérios do amor
cantados apenas, pelos mais marítmos menestreis?...!
não sabes viver este ardor...
És difícil,
 e em mim toda sintonia do mundo se fez...
se ligou,
estou conectado a tudo mesmo....
mas quando falo de ti
e da dor que me causas... ah... me nego, sentir dor!

Ou cantas em mim ocaso...

( Jamais serei triste novamente! Minha Jura. )
E de ti jamais sentirei saudade,
de raiva, de pirraça... estas em mim,
feito o sol, a flor, o oxigênio...  o olho de peixe! ( rsrs )
A gota d'água tropical.


quinta-feira, 15 de março de 2012

Aula de Poesia n 5


Aprendendo a ser Poeta:

Cante uma canção de Withney Houston!
Mesmo que você não tenha voz... mesmo desafinando...
Cante! Na Vida é preciso cantar...




LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um Ano de Versos de Fogo

Marginal é a POESIA

que te PARIU!!!!!!!!!!

Violão em Chamas...

Violão em Chamas...