segunda-feira, 4 de julho de 2011

Giuseppe Garibaldi




Muita gente pode pensar que sou gaucho, ou qual minha ligação com ele... hoje, dia de seu aniversário, 4 de Julho... eu decidi fazer uma homenagem a este herói, que é o meu herói preferido...
em 2004, comecei a utilizar o pseudônimo literário William Garibaldi, sim, justamente durante a minissérie A Casa das Sete Mulheres ( Uma Pérola ) da Globo... incrivelmente eu não a assistia na época, só escutava as canções.... eu conhecia o Garibaldi através de Anita Garibaldi... através das magias e bruxarias de Anita... sabia que eram heróis dos dois mundos... e mais do que de dois países, Brasil e França...
Eram heróis do Mundo Físico e do Mundo Espiritual...
anos depois vou descobrindo que ele era apoiado por Helena Blavatski, e compreendi mais ainda sua Missão neste Planeta ao lado de sua Chama Gêmea Anita...
Sendo eles Filhos do Raio Ouro Rubi, do Sagrado Coração do Cristo... como foi mostrado muito bem no desfile que Rosa Magalhães fez na Imperatriz em 2006, através de simbolos... que propositais ou nãomais muito intuitivos...
Alguns de vocês amigos sabem da minha profunda ligação com o Carnaval do Rio... ( Hoje trabalho aqui ! ) e foi também através do Carnaval que conheci mais um pouco deste Casal ( Que é pouco mostrado a nós na escola... no estudo da História de nosso país... eu estudei Farroupilha 3 vezes sem tocarem no nome de Garibaldi isto é um absurdo! )
... no desfile de 1999 de Joãozinho 30 na Viradouro... Anita Garibaldi a Heroína das Sete Magias, viagei com ela até a Ilha das Bruxas... em Poesia Iniciática do João Trinta...
Foi em 2004 que 'lembrei' que lutei no exército dos Camisas Vermelhas de Garibaldi... eu que estava naquela época em uma batalha imensa... eu que batalho com meus versos...
Assim,  foi um rebatismo... um reencontro e retorno a Mônada! Adotar o nome dele...
Um retorno a minha Missão junto ao Raio do Sangue do Cristo!
O Raio da Palavra Viva! Da Educação e dos Poetas...
Garibaldi significa, aquele que maneja a lança com maestria... 'aquele que maneja a caneta
com maestria' para a guerra!
Minha poesia deixou de ser um lamento...
para ser uma batalha pela felicidade..
quem disse que os poetas não podem guerrear?
Quem disse que poesia não traz a conquista da sobrevivência?
Eu digo que sim!
Sou a prova viva disto!
Este é um pouco da minha Lenda Pessoal...
descubra a sua... é uma viagem inesquecível...! Deixar a Estrela D'alma Brilhar!


Cântico dos Soldados do Coração Ouro-Rubi


A nossa guerra...
A nossa glória...
é não ser nada...
Apenas uma pilastra,
Uma tocha acesa,
Uma bandeira!
Sustentando
a Liberdade...
o Amor 
o Novo Amanhecer nesta Estrela Azul
Eternamente se for preciso...
Camisas Vermelhas!!!!!!











Então é isso...!

Quer ler mais sobre Garibaldi?:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Giuseppe_Garibaldi

http://educacao.uol.com.br/biografias/giuseppe-garibaldi.jhtm







8 comentários:

Simone MartinS2 disse...

Cade voce? Fala comigo? Ei psiu!

Wanderley Elian Lima disse...

Post perfeito. Rico em detalhes e imagens. Amei.
Bjux

Simone MartinS2 disse...

Boa noite querido, agora vou dormir depois de tuas respostas, fiquei mais tranquila...bjin e sonhe com os anjos e querubins...fui!

Filomena Nunes disse...

Meu amigo,

Muito bonita a tua história mitológica.. adorei.. a espada do passado usada como uma pena e a pena do presente usada como uma espada...

e agora vou contar-te quão impressionante é (e não é!!) que nos tenhamos já cruzado, talvez mesmo nessas cruzadas:

Nas biografias que acabei de ler é omitido que os 2 Grandes Giuseppes italianos se tenham cruzado: O Garibaldi e o Verdi. O primeiro com a sua espada em riste e o 2º com a música e as letras. Tu estiveste ligado ao 1º, e eu, certamente, estive ligada ao 2º porque sei, de fonte segura, que a minha filha tem, como sua antepassada (na vida anterior), a Giuseppina Streponni 2ª mulher de Verdi.

Qual o meu papel nessa altura, se é que tive algum, desconheço!! Mas nós estamos todos ligados por laços e nós, (alguns mais cegos do que outros), sem mesmo contar que somos todos UM, vivendo a poesia que somos capazes de fazer em cada "Novo Amanhecer nesta Estrela Azul
Eternamente se for preciso..."

Linda a tua poesia, lindo o teu coração <3

Filomena

Emíliana disse...

Lindo mesmo ver um pouco da historia do meu estado aqui.Lindo mesmo é te ler,meu Astro.
Fiquei encantada,até pq eu sou apaixonada pela Casa das Setes Mulheres,uma das melhores produções,pelo menos para mim,feita pela televisão brasileira até hoje.
Bjka,e dorme bem hein,visitante noturno...rsrs

Simone MartinS2 disse...

Boa noite, só passei para te deixar um xero e um queijo...bjin e boa noite!

Stella Petra disse...

Menino William...

QUE MARAVILHA DE TEXTO!!

Alimentei minha Alma...
Sua forma de transpor o tempo, usando arquetipicamente para se posicionar, me serviu de deleite. Não importa quem somos, importa sim nossos valores...
Ao defendê-los estamos nos firmando enquanto Guerreiros...Foi assim com Garibaldi...Lutou por seus ideais, pelo que acreditava ser o caminho certo...E, tão certo estava que arrebatou o coração de uma brasileira, tão Guerreira ou mais do que ele...É assim, com você...que luta com bravura que nos enche de orgulho...Afinal, somos todos Brasileiros...
Suas palavras me fizeram viajar sabia? No tempo, na história e, em meus valores...
Pode ser coinscidência, mas acho que não...rs
Dias atrás eu estava revendo um filme chamado 'O Leopardo' é de 1963...Onde mostra a luta de Garibaldi pela unificação da Itália...Se não viu sugiro que assista...Você vai se encantar mais ainda por esse Italiano Grandão...rs
O filme começa justamente com o desembarque das tropas de Giuseppe Garibaldi (aquele mesmo que lutou aqui no Brasil, na Guerra dos Farrapos...rs ) na Sicília.
Os rebeldes lutam pelo fim da aristocracia rural e da sociedade construída à base de benesses e privilégios.
O Príncipe Salinas, que no papel é Burt Lancaster resolve refugiar-se temporariamente com a família em Donnafugata, cidade em que costuma passar regularmente suas temporada de férias.
Antes de partir, no entanto, acompanha a adesão de seu sobrinho Tancredi que é interpretado pelo meu ator favorito da época...rs Alain Delon - ao grupo garibaldino.
É da sua boca que saem as pérolas que fazem o Príncipe despertar para os acontecimentos: “é preciso que as coisas mudem de lugar para que permanecem onde estão”.

Obrigada por mergulhar fundo na nossa história, e de forma tão peculiar, que só, um antropólogo das letras seria capaz..

Beijo Grande no coração

Bênçãos de La Madre ;-)

Stella Petra disse...

P.S

Existe uma alusão à esse filme no livro que estou lendo - chamado 'As Mulheres na Cozinha de Deus' de Cristina Mazzoni. No livro a referência ao filme é pelo fato de no banquete no filme, ser servido bolos em formato de seios. Uma alusão à Santa ágate ( Uma hora vou postar uma pouco da história dela ok)
Santa Águeda ao recusar se casar com o pretendente, o governador romano da Sicília, Quintiano ( nos registros existentes, acredita-se que esse não seria o nome real), o mesmo por fúria manda cortar os seios dela. São Pedro vem a noite e sem tocá-la, a cura.
Só um resuminho básico...rs

Bjs ;)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um Ano de Versos de Fogo

Marginal é a POESIA

que te PARIU!!!!!!!!!!

Violão em Chamas...

Violão em Chamas...