Eu

Eu
Bill Oliveira William

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Orfeu Negro




Este mito, Orfeu Negro, precisa ser curado... precisamos de um Início Felíz para ele e Eurídice...
mas que é belo, toda vida, isto é...


O Sol nasce... quando orfeu Canta...


'O Amor está no ar... hoje o amor está no ar...
Vai conquistar seu coração...
Tristeza tem fim
felicidade não!'
( A rima mais bela ou correta é ousadia do Novo Mito )



Samba Enredo da Viradouro 1998 - ao vivo




A Eurídice Cósmica Borboleta

Para Sandra Regina Coelho

Eurídice, a alma borboleta
não se prendeu
antes ...se libertou!
na música da lira
de Orfeu
Casou-se no céu do infinito
viveu o sonho mais
colorido...
Cantou
a liberdade mais quimera
realizou...
o amor
que o Destino não lhe deu
Venceu
Ela e seu amado Orfeu
provando
que o amor
sempre vence o mundo escuro
Até Hades Rei
ao Submundo
depois disto tudo...
buscou amar Perséfone.


É neste momento que se faz Carnaval na Vida!





8 comentários:

✿ chica disse...

Como é bom quando o amor está no ar...Lindo post! abração,chica

Simone MartinS2 disse...

Oieee...quem foi o sábio que disse:"...os opostos se atraem!"
A sombra e a Luz; o dia e a noite; A lua e o sol; o doce e o amargo; o salgado (batata frita) com o doce (sorvete)AMO!!
O amor esta no ar, então, aproveitamos esse AMOR para amar e amar, nao importa a quem, mas somente AMAR!!
bjinhos magicos!

Astrid Annabelle disse...

Lindo post...com uma energia maravilhosa...

E nesse samba eu me acabei...eita:

Lá, onde a vida faz a prece
E o o sol brilhante desce para ouvir
Acordes geniais de um violão
É o reino de Orfeu
Rei das cabrochas
Seduzidas pela sua inspiração
Eurídice, o verdadeiro amor
Do vencedor por aclamação geral
Da escola de samba do morro
Que vai decantar nos seus versos
A história do carnaval

É na magia do sonho que eu vou
Mitologia no samba amor

Aí, o zumbido da fatalidade
Que atinge a cidade
Traz mais uma desilusão
Orfeu caiu
No abismo da saudade
E voa para eternidade
Levado pela ira da paixão

Tem no seu talento reconhecimento
Num desfile magistral
O Grêmio do Morro venceu
E o samba do negro Orfeu
Tem um retorno triunfal

(o amor está no ar...)
Hoje o amor está no ar
Vai conquistar seu coração
Tristeza não tem fim, felicidade sim
Sou Viradouro, sou paixão

Isso contagia muito.....só não se encanta quem tem sangue de barata...(kkkk)

Beijos cintilantes soprados ao ar!!!^.^
Astrid Annabelle

Orvalho do Céu disse...

Olá, William
Gostei do vídeo... lindo!!!
Abraços fraternos de paz e alegria

Xipan Zéca disse...

Caráca meu véi!!!!... rss

Amigo poeta e carnavalesco, tamus aí pro logo mais CARNÁ.. Torcendo por ti.

Ziriguidum, telécotéco... rss
Abraços
Tatto/Xipan

jairdejesustec disse...

Olá amigo William!
Hoje é um dia diferente; escolhi seu blog para o selo "este blog vale ouro" e agora terás que trabalhar mais.
Um abraço e ensejo de mais e mais sucesso, saúde e paz.
Segue o link:Verbratecajuda

Simone MartinS2 disse...

Oi William, assisti o filme e agora entendi...Todos os dias o AMOR nasce e morre com cada novo amanhecer. E com o ressurgimento do Sol, nasce novos orfeus e novas Euridices...pois enquanto houver AMOR sempre haverá novas melodias, novas poesias...Adorei!
Tempos bons ue nao voltam mais, aquele sim era o verdadeiro carnaval do povo, diversão e criação...Belo mesmo! Alegria ae felicidade vindas desde o berço (crianças)!

Beth/Lilás disse...

Oi, William!
Desculpe a demora, mas às vezes o Blogger não atualiza pra mim e ao ver hoje o seu selinho prêmio, vim conferir este belo post.
Muito lindo mesmo o vídeo em que mostra o sol nascendo na cidade e nos corações, todos os dias, alegre como este sambão prá lá de carioca.
E tá chegando o carná!
bjs cariocas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um Ano de Versos de Fogo

Marginal é a POESIA

que te PARIU!!!!!!!!!!

Violão em Chamas...

Violão em Chamas...