terça-feira, 26 de abril de 2011

O Mundo de Arthur Bispo do Rosário - Parte I




Sou um homem que ama o Natal e a Páscoa, mas não sou Cristão...
mas acredito na beleza da vida... e todas as festas belas são positivas...
Amo o Carnaval, mas não compactuo com sua desordem... sujeira... o meu Carnaval é outro!
Meu Carnaval é Sagrado, não é profano!
O meu Apocalipse é uma Redenção, e cheio de Notícias Boas...
O meu Apocalipse é outro!
A minha Sexualidade é outra!
A minha Política é outra!
A minha Arte é outra...
Não eu não me sinto superior a ninguém, apenas tenho as minhas escolhas!
Eu recentemente ( mesmo ) descobri que só eu!
via o mundo como eu via! Descobri feliz que muitos viam como eu... um mundo novo...
O meu mundo é OUTRO...

Eu descobri recentemente que eu acreditava no que eu acreditava!... ( Risos )
Sim! Isto mesmo! Eram as minhas verdades, as minhas belezas...
... mas não obrigo que ninguém as veja...
Se estou aqui a escrever sobre elas... é que esta é a minha voz...
este é o Blog que encarnou a minha voz... em imagem, som, cor, ritmo, letras e palavras, idéias e conceitos...
Seja Bem vindo... você esta lendo, e ouvindo a minha voz!...
Se ela é um evangelho...
se ela transmite uma mensagem nova ou ousada, ou dura, ou insistente... se lhe chama a atenção docemente...
vai dos olhos e dos ouvidos de quem me lê!...

No dia que eu reconheci que toda a Beleza que eu podia ver e reconhecer na Vida era apenas minha...
minha visão e minha maneira... talvez de poeta...
eu descobri que era muito semelhante ao Artur Bispo do Rosário, que  "criou um mundo inventário
para adorar ao Criador!..."



A FELICIDADE É DOS LOUCOS....

A SABEDORIA DE DEUS É LOUCURA PARA OS HOMENS!

E acaso isto não é POESIA PURA?!...

Nota:

"Arthur Bispo do Rosário (Japaratuba, 20 de fevereiro de 1909 ou 1911 - Rio de Janeiro, RJ, 1989), foi um artista plástico brasileiro.
Considerado louco por alguns e gênio por outros, a sua figura insere-se no debate sobre o pensamento eugênico, o preconceito e os limites entre a insanidade e a arte, no Brasil. A sua história liga-se também à da Colônia Juliano Moreira, instituição criada no Rio de Janeiro, na primeira metade do século XX, destinada a abrigar aqueles classificados como anormais ou indesejáveis (doentes psiquiátricos, alcóolatras e desviantes das mais diversas espécies).

Fonte: Blog na luta ANTIMANICOMIAL: ( DIVULGUE ISTO! )

..................................................................................................................................................................
Todas as Imagens aqui postadas são da Obra de Arthur Bispo do Rosário, e aqui estão com intuito de serem Deidicadas apenas a Deus, assim como quando foram criadas! São os Novos Tempos, Bispo do Rosário!


9 comentários:

William Garibaldi disse...

Notinhas Flamejantes:

Agradeço a todos os comentários na postagem Amigos, e especialmente os lindos conselhos!

Os Rosários de Fogo em Breve terminam aqui, quem ainda quiser enviar algum texto por favor que seja nesta semana!

Agradeço a todas as participações nos Rosários de Fogo e breve todas estarão aqui devidamente linkadas!

Bjus de Fogo-Fraterno!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá poeta
Cada um tem o seu mundo, cada um é um mundo.
Bjão

António Rosa disse...

Voz de poeta, com o seu próprio mundo. Abraço.

Astrid Annabelle disse...

A felicidade está na liberdade de ser....
Louco poeta....que vivamos pelo menos um pouco da loucura de um poeta...
Adorei...partilhado.
Abreijos
Astrid Annabelle

Marli Borges disse...

Adorei o texto.
Adorei ouvir tua voz, nessa poesia tão louca... tão linda e ... Perfeita!!! Bravo, bravíssimo!!! Parabéns!!!

Sobre o Bispo do Rosário, admiro muito ele e, por tudo o que tenho lido a respeito, considero-o uma figura emblemática para as artes plásticas brasileiras. Ele foi um paradigma, um vanguardista e nem o fato de ser negro, pobre e louco, evitou que obtivesse reconhecimento pelo seu trabalho. É evidente que a sua condição social e racial sempre foi um entrave, sempre abriu um enorme fosso entre ele e o reconhecimento da excelência de sua obra artística. Mas ele mostrou sua garra.
Até hoje, ouço muita gente desprestigiar o trabalho dele sob o argumento de que sua genialidade artística era fruto da loucura, mas pelo que me consta o ‘juízo perfeito’ não é um atributo essencial à arte. Sei lá, mas acho que se assim fosse, teríamos então que colocar à prova a genialidade de Van Gogh e isso nem nos passa pela cabeça! O que sei é que o fenômeno estético tem obras memoráveis na pintura, na literatura, na música, etc. que são frutos do delírio e da loucura.
Esquizofrênico-paranóico? É. Mas ele dizia: “O louco é um homem vivo guiado por um morto” e reciclava os refugos e produzia. E reciclava e produzia. Um vanguardista, isso sim. Registrou sua passagem pela terra, inventariou as coisas do mundo!

Esquizofrênico-paranóico? Ahã.

E o poeta, esse daqui, dessa poesia louca? Que se descobriu semelhante ao Bispo? Louco poeta? Ahã.

Obrigada, William, por partilhar essa loucura. Bjsssssssss

P.S. Desculpe o comment gigante, mas, desse assunto eu gosto muito. Essa loucura, que dá frutos tão saborosos, muito me atrai.

William Garibaldi disse...

Oi Wanderley Poeta! Que lindo isto: "Cada um é um mundo!"
Profunda verdade mesmo.

Grato meu querido pela sua presença aqui nesta loucura boa!

Bjão!

William Garibaldi disse...

António, abraço querido amigo!
Que nossas vozes se encontrem mais vezes!

Grato mesmo.

William Garibaldi disse...

Astrid, grato por partilhar! Fico muito feliz que tenha gostado amiga!

Abreijus de Luz. ^.^

William Garibaldi disse...

Marli eu gostei tanto do seu comentário, mas tanto que vou te pedir pra que ele seja o próximo post do Artur Bispo do Rosário...! Pode?

Que belas e sábias palavras minha amiga! Verdade e Arte!

Se podemos curar com a arte, se tempo é arte... se ele produzia por ser louco, ou era louco por que produzia... importa que vivia! E que frase esta dele, não conhecia: "O louco é um homem vivo guiado por um morto!"GENIAL!

E genial seu comentário!
Fique à vontade a casa é sua, é nossa!


Beijos Marli!

Beijos a todos que aqui deixaram seus coment's e que ainda vão deixar! ^.-

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um Ano de Versos de Fogo

Marginal é a POESIA

que te PARIU!!!!!!!!!!

Violão em Chamas...

Violão em Chamas...