domingo, 4 de agosto de 2019

Quem são os Pretos Velhos? E a poesia dos Pontos de Umbanda.




Pretos Velhos são espíritos masculinos ou femininos que trabalham na Umbanda e nos Candomblés onde é permitido o trabalho de entidades espíritos guias também.
São espíritos evoluidíssimos que trabalham para cura e ascensão das pessoas e do planeta terra.
Eles eram negros que possuíam a religião Banto ou Nagô e outras, na África, ou já aqui no Brasil, quando aqui viveram praticaram o início do Candomblé. 
Por isso muita gente gosta de criar separação e dizer que não são de Umbanda. Realmente não são, trabalham na Umbanda. Eram das religiões africanas. 

Espíritos Guias são humanos que viveram e quando morreram se encantaram, atingiram um nível evolutivo que os permite servir a Deus na Criação como médicos, curandeiros, conselheiros etc...
São amigos espirituais. Os guias se diferem dos Orixás porque os Orixás são divindades, eles não tiveram vidas encarnados aqui.

Mas sabemos hoje, especialmente através da obra de Rubens Saraceni que um humano é um pequeno Orixá, um microcosmo de seu Orixá regente, ou Orixá de seu Orí.
Também foi através da Obra de Rubens Saraceni que entendemos melhor que os guias que trabalham para Orixás. A linha de Pretos Velhos é ligada a Omolu e Nanã mas existem Pretos Velhos de Oxalá, Oxóssi etc... Cada Preto Velho trabalha para o Orixá de seu Orí. 


Na Wikipédia:
"Pretos velhos ou Pretos-velhos são uma linha de trabalho de entidades de umbanda. São espíritos que se apresentam sob o arquétipo de velhos africanos[1] que viveram nas senzalas, majoritariamente como escravos que morreram no tronco ou de velhice, e que adoram contar as histórias do tempo do cativeiro. São considerados divindades purificadas.[2] Sábios, ternos e pacientes, dão o amor, a fé e a esperança aos "seus filhos".
O preto velho, na Umbanda, está associado aos ancestrais africanos, assim como o caboclo está associado aos índios e o baiano aos migrantes nordestinos.[3]
Os Pretos velhos seriam as entidades mais conhecidas nacionalmente, mesmo por leigos que só ouviram falar destas religiões afro-brasileiras. O Preto velho é lembrado também pelo instrumento que normalmente utiliza, o cachimbo."

Leia mais clicando AQUI

Imagem dAQUI


Quem foi Rubens Saraceni?

"Rubens Saraceni
Exerceu sua mediunidade e fez seus estudos no campo da espiritualidade por mais de 30 anos. Seus inúmeros livros já publicados sendo mais de 1.000.000 de exemplares vendidos, foram psicografados, ditados e orientados pelos Mestres. Sua jornada foi iniciada no Espiritismo de “mesa branca”, passando posteriormente para a Umbanda, onde se tornou Sacerdote de Umbanda Sagrada (vertente da Umbanda criada sob a orientação do Pai Benedito de Aruanda e Caboclo 7 Espada - 1996)
Ministrou o curso de Teologia de Umbanda Sagrada visando a uma melhor formação do médium umbandista em relação aos Fundamentos da Umbanda.
Há muitos anos o médium e escritor Rubens Saraceni recebeu um pedido dos Mestres da Luz, Guias de Lei e de Umbanda, no qual solicitavam que as informações por eles transmitidas, não fossem apenas para "seu bel prazer", e sim para que, por meio dele, o conhecimento se multiplicasse. Com isso, Rubens começou a ministrar o curso de Teologia de Umbanda Sagrada, um curso simples e teórico, visando a formação do médium umbandista pautado nos Fundamentos da Umbanda Sagrada
Desse convívio, Rubens se deu conta do valor do que havia recebido, pois há muitos anos praticava a Magia Divina ensinada por seus Mentores que se mostrou fundamental na proteção daqueles que o procuravam. Foi quando os Mestres da Luz ressaltaram a importância de consolidar-se no lado material um Colégio nos moldes dos Grandes Colégios Astrais, que sustentam toda a formação daqueles que se assentam à direita e à esquerda dos Sagrados Orixás, Tronos e Divindades de Deus. Daí surgiu o Colégio de Umbanda Sagrada Pai Benedito de Aruanda, para dar formação mediúnica e sacerdotal de Umbanda, bem como, sustentação, Religiosa e Magística aos que buscam o Conhecimento Sagrado sobre O Divino Criador Olorum (Deus), suas Divindades e seus Mistérios Geradores.
Mestre Seiman Hamiser Yê, um Ogum Sete Espadas da Lei e da Vida, assumiu a abertura da Magia do Fogo no plano material, por meio de Rubens Saraceni, na qual são ensinados os fundamentos da Magia Riscada dos Orixás, a Grafia Sagrada, bem como a correta utilização magística das velas, suas cores e o elemento fogo na arte da Magia. O primeiro curso do gênero aberto ao plano material por Mestre Seiman, e que deve ser o primeiro na formação do Mago, intitulada "Magia das Sete Chamas Sagradas".
Ao longo de sua trajetória como escritor, lançou mais de 50 obras, tendo outras 30 ainda inéditas.
Fumante desde os 20 anos de idade, largou o vício após o diagnóstico de cancer. Morreu no dia 09 de março de 2015, aos 63 anos devido a um enfisema pulmonar."

Veja mais sobre as obras de Rubens Saraceni clicando AQUI

Três Pontos de Pretos Velhos
Poesia Popular
Poesia de Umbanda

Um galhinho de arruda
A vovó me deu
Um galhinho de arruda
Pra me proteger
Eu agradeço a essa linda Preta Velha
Um galhinho de arruda
Ela me ofereceu
Eu agradeço a essa linda Preta Velha
Pois em suas orações
Ela nunca me esqueceu

*

Preto Velho
Vem de Minas
Caminhou o ano inteiro
Carregou sete calungas
Para salvar o Terreiro
Ê ê ê ê
Ê ê ê a
A banda é boa
Banda de Minas Gerais

*

Benedito é Preto, calunga
Eu também sou Preto, calunga
Ora viva os Pretos, calunga
Eu também sou Preto, calunga
A minha Terra é de Preto, calunga
Eu também sou Preto, calunga








2 comentários:

Roselia Bezerra disse...

Boa Noite de Domingo, querido amigo Wil!
Reze por mim, cada vez mais necessito de força espirtual e confio em seu puro coração de menino.
Deus o abençoe muito!
Tenha dia felizes!
Abraços fraternos de paz e bem
https://espiritual-marazul.blogspot.com/

Bill disse...

Tudo de bom pra ti Rosélia
Poetisa de Deus!
Rezarei sim!
Deus já te escutou!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um Ano de Versos de Fogo

Marginal é a POESIA

que te PARIU!!!!!!!!!!

Violão em Chamas...

Violão em Chamas...